O perigo de jogar no Google e compartilhar sem critério

“Joga no Google!” virou um mantra repetido quase que diariamente por muitos de nós. Precisa fazer um post agora para a página da sua empresa no Facebook? Joga no Google que a ideia aparece! Tem que publicar alguma novidade no perfil do seu negócio no Twitter? Joga no Google que tem assunto de sobra esperando pra ser tuitado! Falta inspiração para fazer um vídeo sobre os lançamentos da sua loja? Joga no Google e veja uma porção de links que vão turbinar sua criatividade! Parece fácil, mas pena que por trás dessa aparente simplicidade estão escondidas armadilhas que podem arruinar a credibilidade da sua marca.

A imagem abaixo é linda, não é? Ela mostra o fundo da Baía de Guanabara, abaixo do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro, e teria sido obtida por uma universidade. Muita gente compartilhou essa imagem FALSA! Dá uma olhada na história aqui.

Foto-seria-imagem-nova-do-Pão-de-Açúcar-com-abismo-próximo

A internet é tão vasta, mas tão vasta, que abriga terrenos de informações dos mais diversos. Alguns são sólidos como cimento. Outros parecem areia movediça a nos puxar para o fundo a cada vez que encontramos um conteúdo que nos leva a outro e mais outro. E há terrenos pantanosos, onde não é possível saber de cara se a informação que está ali é segura.

Veja outro exemplo de como precisamos ter cuidado antes de compartilhar algum conteúdo. Lembra dessa imagem que circulou na web mostrando que o Papa é fã de heavy metal?

pope_francis-CAMISETA

Ela é uma montagem… hahahaha… veja a história da farsa aqui!

É por isso que ao “jogar no Google” precisamos ligar nosso radar para diferenciar esses terrenos onde estamos pisando. Filtrar é o verbo-chave na hora da busca.

Lembra da notícia que circulou durante a Copa do Mundo dizendo que a Alemanha doou seu centro de treinamento para as crianças pobres da Bahia? Ela foi inventada, como várias outras. Veja aqui. As pessoas fantasiam, escrevem, fazem montagens, e postam… e depois um monte de gente vai repostando até viralizar. Pesquise um pouco sobre o assunto “hoax” na internet (hoax significa fraude ou boato em inglês). Você vai se surpreender!

Ao encontrar um conteúdo, não compartilhe ou replique sua essência de imediato. Leia, analise e, se for inusitado demais, pesquise outras fontes para confirmar a informação. Uma das receitas para não pagar mico nas suas mídias sociais é ter critério na escolha do que publica!

E você, tem mais alguma dica?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s